Mindat Logo
bannerbannerbannerbanner
Bem-vindo!

Hierarquia nas localidades Portuguesas

Enviada por Pedro Alves  
avatar Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 10:42AM
    
Olá a todos,
este tópico pode parecer despropositado ou desnecessário (pois a fórmula usada tem sido, naturalmente, a usada) i.e.
Mina, freguesia, concelho, distrito e país (neste caso Portugal);
eventualmente um lugar de uma determinada freguesia pode seguir-se à mina.

Pergunto-me se todos concordam efectivamente com esta forma?

Porquê agora?
Uma determinada localidade, aqui no Mindat, foi modificada por ter uma aparente repetição. Tal deve-se ao facto da dita localidade pertencer a uma freguesia com a mesma denominação que o concelho. Por uma questão de precisão e coerência creio que se deve manter essa 'aparente' repetição.

Opiniões são bem vindas.

Cordialmente,
Pedro
Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 12:12PM
    
Olá Pedro
O meu parecer é que fica mal a repetição apesar de ter lógica o teu racioçinio.
Imagina que a mina, freguesia, concelho e distrito tem tudo o mesmo nome....vai lá vai!!!!! até doi a cabeça com a repetição compulsiva smiling smiley.
Penso que fica mal a repetição e fica melhor com o corte, de qualquer modo é a minha opinião.
Martins
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 12:46PM
    
Martins,
não vejo problema na repetição ( a não ser na etiquetagem física das amostras).
Acho importante manter o mesmo formato para todas as localidades, incluindo as que se encontram em freguesias, concelhos ou distritos com o mesmo nome.
No caso de eliminarmos uma repetição, qual estamos a omitir? concelho ou freguesia? Nesse formato quem nos garante que temos a informação completa? i.e.
caso concreto da mina Vale da Madre:
esta, situada na freguesia e concelho de Freixo de Espada-à-Cinta. Se eliminarmos a repetição ficamos sem saber se a mina se situa na freguesia ou no concelho referido. Para quem sabe desta coincidência (freguesia-concelho) não representa um problema, mas para as restantes pessoas talvez sim.



Editado 1 veze(s). O ltima edio foi a 2012/04/25 s 02:29PM por Pedro Alves.
Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 02:50PM
    
Nas minhas localizações, só coloco as freguesias quando esta é um modo mais fácil de saber exatamente onde fica a mina, senão, coloco apenas a localidade mais próxima, o municipio e o distrito. Mas concordo que devemos usar, principalmente aqui no mindat, uma raiz ou esqueleto sempre idêntico, por isso concordo que se liste por local (mina, pedreira, o que for), freguesia, municipio e distrito. Estas divisões administrativas devem fazer parte do registo, para não ficarem repetições que parecem erros - 'mina xx, Évora, Évora, Évora' não é nada, ninguém percebe o que isto é, muito menos os estranjeiros. Se ficar 'mina xx, freguesia de Évora, município de Évora, distrito de Évora' já torna a coisa perceptível, qualquer um vê que são níveis diferentes, mas com o nome comum.

Já agora, e como hoje comemoramos o 25 de abril devemos acabar com os 'concelhos'. Esta divisão administrativa acabou com a revolução, tal como acabou a divisão do país em províncias - Beira Alta, Beira Baixa e Beira Litoral, etc também acabaram nessa altura. Hoje não há 'Concelhos', há 'Municípios' - Associação Nacional de Municípios Portugueses, Assembleia Municipal, Câmara Municipal, Polícia Municipal, os municípes, empresas municipais, etc, etc, etc.

Jorge
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 03:14PM
    
Concordo com a definição de cada elemento na cadeia hierárquica. Contudo tal pode correr o risco de se tornar visualmente 'pesado' e complexo.
Não sei como pretende alterar a forma actual?
Algo como : Mina X, Évora Parish, Évora Municipality, Évora District, Portugal ?

Não sei se é esta a forma que propõe. É elucidativa, mas ao mesmo tempo 'pesada'. Talvez manter a forma actual e colocar estas informações nos detalhes não fosse disparatado...
Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 04:04PM
    
A ideia era mais ou menos essa. Consultando o mindat, pode-se ver que Portugal está dividido pelos distritos, que estão referidos, e pelos municipios, que não estão referidos. Até aqui não haveria problema era apenas acrescentar à frente de cada municipio 'municipality' - para nós portugueses até julgo que é redundante, mas como é um site para consulta internacional, para os outros não o será.
O problema coloca-se ao nível seguinte, que teóricamente seria o das freguesias - neste momento o que se vê é uma mixórdia, muitas vezes são as freguesias que estão referidas apesar de não estar explícito (nalguns casos eu sei que são freguesias), noutros casos tanto podem ser freguesias como povoações próximas (porque a freguesia tem o nome da povoação), noutros casos não sei o que é referido (porque desconheço o nome e por isso tanto pode ser povoação como freguesia).
Realmente pode ficar pesado, mas parece-me que é a única forma de ir ao encontro da harmonização que o Pedro propõe. De outro modo vai ao encontro da forma que eu uso, que como disse, tanto usa uma povoação como a freguesia como primeiro nível de identificação. Eu próprio já tenho pensado nela, reconheço que não é uma estrutura sólida e por vezes falta coerência, mas uso-a exatamente por esse motivo que referiu - para não ficar uma coisa muito pesada.
Julgo que a questão estará em decidir entre um esqueleto rígido e coerente e pesado e uma estrutura flexível, com menos escrito, mas variável e que por isso pode levar a classifcar o mesmo local de 2 formas ligeiramente diferentes, conforme a nossa disposição do momento.

Jorge
Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 04:06PM
    
Não vejo inconveniente em esclarecer no início da página sobre Portugal a que corrrespondem os diversos níveis em vez de estar a repetir as palavras 'municipality' ou 'parish' em frente a cada nome.

Jorge
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 04:28PM
    
Sim, essa última proposta torna a forma mais ligeira. Mas para tal, todas as localidades Portuguesas, aqui no Mindat, teriam que estar de acordo com uma disposição.
Mina/pedreira/afloramento>freguesia> município >distrito.
Outros dados tais como o lugar onde pertence, podem estar presentes nos detalhes (de modo a não perturbar a estrutura).

As localidades que tenho vindo a adicionar obedecem à estrutura acima referida, creio que é a mais correcta. É, por exemplo, usada na SIORMINP (tantas vezes aqui referida). Apesar de, na mesma base de dados, aparecerem na forma localidade e concelho.

Se as locais aqui existentes não estiverem devidamente descritos, não servem nem nós Portugueses nem estrangeiros. Isto faz a diferença entre uma base de dados e um site de divulgação de mineralogia.
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 04:45PM
    
O uso de uma estrutura rígida, no que concerne à utilização de freguesia enquanto nível estrutural, tem neste momento dois inconvenientes segundo o meu ponto de vista:

-numa altura em que freguesias irão ser extintas/agrupadas/reorganizadas, estar a basear um base de dados em tal classificação volúvel e sujeita à vontade política é totalmente desaconselhável;

-é por vezes difícil saber os limites das freguesias, o que dificulta a classificação, já para não falar de localidades situadas em dois ou mais níveis hierárquicos; imagine-se um hipotética localização, situada na fronteira entre dois distritos, em que deveríamos introduzir a mesma localidade em duas freguesias distintas, pertencentes a dois concelhos distintos, inclusos em distritos diferentes.

Dada a flexibilidade que acho fundamental no que concerne às localizações, e que uso nos meus apontamentos pessoais, considero que sem margem para dúvidas o melhor sistema é distrito-> município-> localidade mais próxima (seja aldeia, cidade, lugar, etc.). Este sistema permite até incluir mais informação útil que o proposto nos posts anteriores, ocupando o mesmo espaço, e não está sujeito a alterações com as mudanças políticas (salvo a criação ou dissolução de concelhos, ou a mudança de nome de uma localidade, ambas ocorrências raras).

É importante notar que o Mindat não tem regras definidas no que a este assunto concerne, e a tentativa de as criar já foi muitas vezes gorada.

E apenas uma opinião muito pessoal, e que devido a tal não deve ser levada em grande consideração: o SIORMINP como base de dados é um autêntica desgraça, apenas servindo como exemplo do que não fazer...

Cumprimentos, Luís Martins.



Editado 1 veze(s). O ltima edio foi a 2012/04/25 s 04:50PM por Luís Martins (2).
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 05:21PM
    
Luís,
deixando as políticas para os políticos.
É facil saber a que freguesia pertence uma mina. Para tal basta, por exemplo, usar a CAOP.
Para o caso que referes, em que acontece frequentemente, de pertencerem a duas ou mais freguesias. Esse é de facto um problema em termos de estrutura, que pode ser superado se usares as duas ou mais. Ex: mina X, freguesia P e Q, municipo F, distrito Y...

A SIORMINP pode ter os seus problemas, mas porque dizes que é uma desgraça?



Editado 1 veze(s). O ltima edio foi a 2012/04/25 s 05:37PM por Pedro Alves.
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 05:34PM
    
Não se trata de deixar as politicas para os políticos, trata-se de se querer adoptar um sistema baseado nas freguesias, que irão mudar drasticamente em pouco tempo.

Em relação a saber a freguesia onde se encontra determinada ocorrência, é sem dúvida fácil. Outros problemas se levantam quando as concessões, que penso serem o modelo actualmente no Mindat utilizado para a identificação da maioria das ocorrências portuguesas, se situam em duas freguesias distintas. Ou quando, na situação anterior, todos os trabalhos de relevo se encontram apenas numa das freguesias...

Em relação ao SIORMINP, não vou comentar mais pois há pessoas que trabalham no LNEG que frequentam este espaço.

Cumprimentos, Luís Martins.



Editado 1 veze(s). O ltima edio foi a 2012/04/25 s 05:49PM por Luís Martins (2).
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 06:06PM
    
Luís,
se os limites administrativos mudarem, também poderemos aqui (no Mindat) mudar a localização das minas.
Todas as bases de dados têm a sua dinâmica, esta é um exemplo disso.

Importa, julgo, coerência e que todos ganhem com isto.
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 06:22PM
    
Fica então à consideração dos demais a definição do modelo a utilizar. Dado que não contribuo com a introdução de localidade é também um assunto do qual me devo abster.

Cumprimentos, Luís Martins.
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 06:24PM
    
Luís,
não é preciso contribuir para dar opinião.
Importa o que todos pensam. De um consenso certamente sairá a solução mais adequada.
Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
25 de April de 2012 s 11:55PM
    
Olá a todos,

1 - nome da mina/pedreira/outro,
2 - localidade
3 - freguesia
4 - concelho
5 - distrito
6 - país

Esta é, para mim, a ordem que faz sentido; nas localizações que visito e onde apanho minerais é esta a sequência que tenho aplicado.

Monte de S. Bartolomeu, Nazaré, Nazaré, Leiria District, Portugal

Se se repetir o nome da freguesia e concelho, neste caso Nazaré, qual é o problema?

Qual é o problema dum japonês, dum espanhol, dum jamaicano ou dum americano não entender a nossa divisão administrativa? Eles preocupam-se para que entendamos as deles? Esta é uma ferramenta que deveremos adaptar em nosso benefício... também é altura de parar de pensar pequenino.

O mindat é uma mixórdia ??? penso que não… cada vez está melhor graças ao empenho e interesse de alguns. Surgem desacordos de quando em vez mas a coisa vai avançando. É natural que assim seja.

Qual a base de dados melhor que o Siorminp? Não é perfeita, talvez não e então qual é a base de dados perfeita? Alguém que me mande o link s.f.f.

Cumprimentos

Rui Nunes
avatar Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
26 de April de 2012 s 12:15AM
    
Rui,
eu concordo com a tua forma. É, aliás, aquela que eu tenho usado em casa e aqui.
Como referi acima, o termo entre a mina e a freguesia (ao qual eu chamei lugar e tu localidade, mas queremos dizer o mesmo) pode ser facultativo. Isto pela dificuldade em ter esta informação para todas as ocorrências.

Quanto aos restantes: freguesia, concelho/município, distrito e país. Creio ser de fácil e incontornável definição.
A forma que creio ser a mais correcta, pois pode ser definida sem dar lugar a ambiguidades. Afinal todos tem os seus limites bem definidos.

Pedro
Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
26 de April de 2012 s 09:01AM
    
Caros Amigos,

A "fórmula" atualmente usada pode efetivamente não ser a melhor mas tem alguma coerência. Se houver grandes alterações administrativas podem fazer-se depois os ajustes necessários a nível das freguesias. Quando cheguei ao Mindat, já lá vão uns milhões de anos, a confusão era realmente enorme e daí ter tido a iniciativa de propor, ao membro americano que tinha a gestão das localizações portuguesas, a atual metodologia. Talvez pudesse ter tido outra proposta mas foi a melhor que me ocorreu. Há muito que deixei de introduzir informação porque outros membros tem mais interesse e saber, do que eu, nas localizações portuguesas e por isso apenas registo que qualquer melhoria é bem vinda.

Um abraço,
Re: Hierarquia nas localidades Portuguesas
26 de April de 2012 s 12:22PM
    
Olá gente boa smiling smiley
Agora estou a olhar para a localidade acima do Monte Bartolomeu e tem a Nazaré repetido. Sei que tem lógica, mas para mim complica-me os neurónios na descrição da localidade e se proventura tiver que utilizar o link da localidade é mais que certo que altero a situação, pois é mais forte do que eu smiling smiley.

Cabeça de Carneiro - (2) - São Mansos - (4)

Martins da Pedra
Autor:

O seu email:


Assunto:


Anexos:
  • Anexos permitidos: gif, jpg, png
  • Tamanho mximo dos ficheiros: 1000 KB
  • Pode ainda anexar 3 ficheiro(s) a esta mensagem

Spam prevention:
Please, enter the code that you see below in the input field. This is for blocking bots that try to post this form automatically. If the code is hard to read, then just try to guess it right. If you enter the wrong code, a new image is created and you get another chance to enter it right.
CAPTCHA
Mensagem:
Mineral and/or Locality  
Search Google  
Copyright © Jolyon Ralph and Ida Chau 1993-2014. Site Map. Locality, mineral & photograph data are the copyright of the individuals who submitted them. Site hosted & developed by Jolyon Ralph. Mindat.org is an online information resource dedicated to providing free mineralogical information to all. Mindat relies on the contributions of thousands of members and supporters. Mindat does not offer minerals for sale. If you would like to add information to improve the quality of our database, then click here to register.
Current server date and time: September 2, 2014 14:22:51
Mineral and Locality Search
Mineral:
and/or Locality:
Options
Fade toolbar when not in focusFix toolbar to bottom of page
Hide Social Media Links
Slideshow frame delay seconds